rkamehama

Ar √© um aplicativo de ensino para professores de educa√ß√£o f√≠sica da rede p√ļblica aprenderem e entenderem o que √© a asma e como cuidar de alunos que possam ter a doen√ßa em momentos de necessidade.

N√≥s desenvolvemos o aplicativo para permitir que os usu√°rios tivesem acesso ao conte√ļdo de uma maneira simples e r√°pida, criando assim um conhecimento sobre a doen√ßa e podendo assistir com maior efic√°cia os alunos com maior seguran√ßa.

Ano: 2016
Duração: 48 horas
Desenvolvido para: Hackathon HALE - Health, Assisted Living, Social Care and Community
Desafio: Como podemos usar a tecnologia para respirar melhor? Em 48H no Hackathon for Health, Assisted Living, Social Care and Community (Hale).
Equipe: Beatriz Alves Bessa (Desenvolvedora)
Damaris Andréia Cardona (Desenvolvedora)
Marina Scott (Desenvolvedora)
Nadia Coelho (Desenvolvedora)
Rebecca Kamehama (Designer)
Vitor Augusto Andrioli (Desenvolvedor)
Papel Desenvolvimento de Conceito
UI
UX

1¬ļ Lugar no Hale Hackathon ‚Üí




ar Cover

1. pesquisa

O processo começou com a pesquisa feita dias antes do início do hackathon. Nela foram levantados depoimentos de profissionais da área médica, professores de educação física e usuários através de entrevistas feitas no Hospital das Clínicas (HC).
Foram entrevistados um total de 10 pacientes que apresentaram uma perspectiva das dificuldades de acompanhar a medica√ß√£o, os obst√°culos do dia a dia que afetam a doen√ßa e como descobriram que precisavam de tratamento. 5 profissionais da √°rea da sa√ļde e 2 profissionais da √°rea da educa√ß√£o.
Como forma de complementar os dados coletados foram levantados dados sobre a doen√ßa de org√£os de sa√ļde e informa√ß√£o e outros produtos voltados para o tratamento e educa√ß√£o sobre a asma.

Com todos os dados levantados, optou-se por desenvolver um produto que seguisse a área de conscientização sobre a doença em criaças.

Asma na inf√Ęncia "Entre as enfermidades respirat√≥rias, a asma √© a mais frequente nos primeiros anos de vida"
Asma em mortalidade "Doen√ßa afeta quase 20 milh√Ķes de pessoas no Brasil"
Pontos fundamentais da doença Aprender a entender a doença e como reconhecer uma crise bem no seu início;

Saber os sinais de que uma crise está piorando e se é preciso ir à emergência;

Procurar conhecer causas e afastá-las se possível. Para isso, é preciso mudar hábitos pessoais e da família;

Educação do paciente e de sua família para executar medidas de higiene do ambiente, evitar fatores desencadeantes.

1¬ļ Lugar no Hale Hackathon ‚Üí

ar -pesquisa
ar -pesquisa
ar -pesquisa

Um ponto abordado por uma das entrevistadas, era a dificuldade do diagnóstico quando não se sabe os sintomas da doença, a paciente entrevistada já era diagnosticada com asma, dessa forma sabia que existia uma possibilidade maior de seu filho apresentar o mesmo diagnóstivo, assim quando começaram as tosses ela o levou para o médico para iniciar o tratamento o quanto antes.

Uma vez escolhida a √°rea que seguir√≠amos com o dessenvolvimento, coletamos mais dados sobre a doen√ßa e como ela afetava a popula√ß√£o brasileira e em quais situa√ß√Ķes era recorrente os epis√≥dios de asma.

pesquisa
pesquisa

2. Interpretação

Falando com os pacientes e profissionais, levantamos que muitos dos episódios acontecem durante a prática de exercícios físicos. Dessa forma, levantamos dados sobre como funcionam as aulas de educação física e como são teinados esses profissionais para tratar crianças em casos de necessidade.

Com o resultado, escolhemos seguir com um meio de ensino e capacitação de profissionais da eduação física que dão aulas para crianças sobre o que é e como cuidar de uma pessoa em casos de episódio de asma.

ar pov

3. Ideação

Com o desafío estratégico de: "Como nós podemos criar uma forma de ensinar professores de educação física/pedagogia sobre a asma, para ajudar na identificação de alunos que possam ter a doença e socorrê-los em casos de crise" começamos com a ideção de meios para solucionar o problema.

Para escolher a solução usamos um sistema de votos com adesivos amarelos. Dessa forma foi definida a ideia a ser desenvolvida pela equipe: "Aplicativo de ensino sobre asma no estilo de micro-learning"

Por que micro-learning

A ideia de ensinar o cont√ļdos dessa forma foi escohido dada a facilidade de entendimento do usu√°rio ao passar instru√ß√Ķes claras e considerando o tempo que o nosso usu√°rio consumiria tal conte√ļdo.
Durante o evento mandamos mensagem para alguns amigos que trabalhavam com pedagogia, e perguntando sobre o dia a dia percebemos que existia um tempo do qual eles usavam o celular nos transportes p√ļblicos.
Dessa forma visamos a oportunidade de que eles poderiam aprender um conte√ļdo importante em um tempo m√≠nimo e de forma simplificada.

ar ideação

4. Prototipação

Seguindo com a ideia, começamos a desenhar os wireframes/telas do aplicativo. Para encontrar as melhoras alternativas para cada uma delas, utilizamos a ferramenta "crazy 8's", dessa forma cada membro desenhava formas para solucionar cada uma das telas, as telas para a versão final foram decididas através de votação com adesivos amarelos.

ar wireframe
ar wireframe
ar wireframe
ar wireframe
ar wireframe


Com as telas desenhadas começamos a prototipar a primeira versão utilizando o ionic e armazenando no github.

ar wireframe
ar wireframe

Durante todo o processo de desenvolvimento, mantivemos os dados coletados e desenvolvidos, juntamente com os desenhos das telas e arquitetura do aplicativo. Dessa forma conseguimos ter uma vis√£o geral do projeto com tomadas de decis√£o facilitadas.

ar lousa inteira

Para auxiliar no desenvolvimento do aplicativo, criamos uma ideintidade. A mesma seguiu a ideia de continuidade e levesa que gerou o nome "ar".

ar logo
ar logo
ar logo
ar logo

Para servir como um guia visual no desenvolvimento do aplicativo, criamos um pequno Style Guide, contendo a tipografia, cores e elementos básicos que seriam usados no desenvolvimento das telas para o protótipo.

ar styleguide
ar app
ar app


ar gif

Aprendizados

Com tudo o projeto foi muito interessante, principalmente por aprender tanto sobre a asma em suas causas, tratamentos e como ela afeta a vida das pessoas que possuem. Poder conversar com os usu√°rios como com os especialistas ajudou muito no desenvolvimento do conceito e estrutura do projeto.
O projeto ainda tem muito a melhorar, uma vez que quando construi a interface não tinha tanto conhecimento sobre alguns fatores importantes, assim mudaria alguns elementos do styleguide para ser compatíveis com as melhores práticas e utilizaria mais o material design.




Próximo Projeto | Passo a Passo →





Como dizer ol√°

Vamos conversar
r.kamehama@gmail.com